11.8.09

Mórbido mas comestível

Sangue falso. Ora aqui está um bom desafio.
À falta de xarope de milho, a malta andou a fazer experiências com amidos e corantes. A textura está óptima, mas a cor precisa de acertos. Temos que experimentar com outros xaropes, de preferência translúcidos, comestíveis e fáceis de remover em tecido e pele. Se alguém puder ajudar, especialmente com dicas sobre onde comprar ingredientes apropriados, agradeço.
Por enquanto, os resultados são aceitáveis, depois de um dia vampiresco de experiências. Amanhã vamos para testes de caracterização com feridas, nódoas negras e simpatias semelhantes; além da primeira reunião geral da equipa técnica!




Entretanto, o blogue tem sido alvo de imensas visitas!
Obrigado a todos - nesta fase, é um estímulo fantástico recebermos tantos visitantes, além dos vários mails de apoio!
Continuem a visitar, a dar feedback e, claro, a divulgar: um desafio como o nosso, sem apoios institucionais, só funciona e só vale a pena graças ao público internauta!

4 comentários:

Fred disse...

Um dia tinha de ser, finalmente temos projectos privados onde o dinheiro público não é necessário. Mostrem a todos o que se pode fazer com empenho, dedicação e acima de tudo orgulho.

Um grande abraço e felicidades para o vosso projecto.

Carlos disse...

Muitos parabéns pela ideia e pela coragem de ir em frente com este projecto. Apesar de não haver para já apoios acredito que patrocínios apareceram para ajudar uma bela ideia como esta.

Força com esse trabalhito que eu estou a espera da acção :D

Rakel disse...

Pois, eu ouvi dizer que a glicose de milho é que dá mesmo aquele efeito. Procuraste no Celeiro e lojas afins? Good luck!

Rakel disse...

Pois, eu ouvi dizer que a glicose de milho é que dá mesmo aquele aspecto. Tentaste no Celeiro e lojas afins? Good luck...